Úlcera

Úlcera: Sintomas, causas e tratamentos

A úlcera é uma ferida que pode aparecer em várias partes do organismo, como por exemplo: estômago e duodeno, cólon ou pele. Há diferentes tipos de úlceras na parte inicial do sistema digestivo, que são: as úlceras gástricas que aparecem no estômago, as úlceras do duodeno que atingem a primeira parte do intestino delgado e às do esôfago que são consideradas as mais raras.

Um estômago saudável age somente sobre os alimentos, porém pode ser que haja um ataque ao revestimento do trato digestivo e com isso, faz surgir a úlcera que tem por finalidade destruir a parede do duodeno e do estômago.

Este problema pode atingir qualquer pessoa, independentemente do sexo ou idade.

Para mais esclarecimentos sobre o tema acompanhe o texto:

Quais são as causas da úlcera?

A princípio quatro são as causas principais deste problema, sendo as seguintes:

  • presença da bactéria Helicobacter pylori – as pessoas que possuem predisposição para possuir úlcera podem ter problemas com esta bactéria, pois a sua finalidade é atacar a parede estomacal. De todo modo, ao ser erradicada a infecção, há a tendência de o problema sumir.

  • uso constante de antiinflamatórios e aspirina – é preciso evitar o consumo destes dois medicamentos, já que a ingestão contínua de anti-inflamatórios e aspirina provocam o surgimento do problema

  • alimentos com cafeína –  o abuso de alimentos com cafeína como café, mate, chocolate e refrigerantes de cola podem facilitar o surgimento da úlcera.

  • estresse – muitos dizem que o estresse é um dos males do século XXI e ele é um dos responsáveis pelo surgimento das úlceras, já que estimula a existência do ataque nas paredes do estômago e no duodeno.

Como é realizado o diagnóstico?

Para saber o diagnóstico, é preciso fazer uma endoscopia. Este exame é realizado sob sedação e através dele, é possível visualizar o duodeno, esôfago e estômago e verificar a existência ou não da úlcera.

Em algumas situações, é possível constatar a presença de úlceras com exames de raio-x, porém este método não tem sido mais utilizado com frequência.

Quais são os sintomas?

Alguns dos sintomas típicos da presença de úlceras são:

  • dores ou queimação na parte superior do abdome. Comumente ocorre com o estômago vazio e com isso, os ácidos irritam a ferida, já que não há alimento a ser digerido;

  • durante à noite, a dor costuma acordar a pessoa e somente há o desaparecimento desta sensação após consumir um antiácido ou se alimentar;

  • aparecimento de sangue nos vômitos;

  • ao evacuar, constatar a existência de fezes avermelhadas ou escurecidas.

Como prevenir as úlceras?

  •  procure evitar o tabagismo;

  • evite longos períodos em jejum, fracione a dieta de modo que o estômago não fique vazio;

  • tente evitar café, chás, bebidas alcoólicas e refrigerantes;

  • evite anti-inflamatórios sem prescrição médica. Nunca faça a automedicação;

  • tente se estressar menos;

Tratamentos

O tratamento para úlcera é realizado de acordo com o caso de cada paciente, o médico pode recomendar o uso de medicamentos, como antiácidos que reduzem a acidez do estômago ou até mesmo antibióticos para o combate do H.Pylori.

Além disso, o paciente deve mudar a alimentação, incluindo em sua dieta legumes, frutas e carnes magras.

A cirurgia é indicada quando existe complicações, tais como hemorragia ou perfuração do estômago.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como cirurgião do aparelho digestivo em Ilha Solteira e Barretos!

O que deseja encontrar?

Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on google
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp