hemorroidas

Hemorroidas: causas, sintomas e tratamentos

As hemorroidas são veias inchadas que surgem na parte mais baixa do reto e ânus. Em algumas situações, as paredes desses vasos sanguíneos ficam muito sensíveis e finos fazendo com que as veias se amontoem, causando, dessa forma, irritação, especialmente na hora de expelir as fezes.

A hemorragia retal é uma das consequências mais comuns das hemorroidas. Entretanto, raramente elas (as hemorroidas) apresentam algum nível de perigo. Porém, é sempre recomendado buscar por orientação médica para confirmar se não existe uma condição que precise de mais atenção.

Além disso, vale pontuar que elas podem desaparecer por conta própria, mas os tratamentos podem ajudar a diminuir os incômodos e acelerar esse processo.

Principais sintomas

No caso das hemorroidas internas, aquelas muito no interior do reto a ponto de não serem vistas ou sentidas, geralmente, não provocam dores. Mas há alguns sintomas, tais como:

  • Sangue nas fezes, no vaso sanitário ou no papel higiênico;
  • Tecido que se projeta para fora da abertura anal (prolapso). Sendo que existe o chamado prolapso irredutível. Ou seja, não volta para a posição original mesmo quando as veias são empurradas;
  • Veias que podem voltar para o interior do reto sozinhas ou quando empurradas com cuidado.

Por outro lado, as hemorroidas externas tendem sempre a apresentar sintomas mais evidentes. Alguns sinais são:

  • Veias visíveis e palpáveis;
  • Dor intensa em caso de trombose;
  • Dor ao sentar;
  • Dor ao evacuar;
  • Sangramentos.

Sobre os episódios de hemorragia, é fundamental que a pessoa não assuma que é decorrente à condição hemorroidária sem antes ter passado por uma consulta médica. Afinal, existem diversas outras doenças que podem levar aos mesmos sintomas e que precisam de uma investigação mais atenta.

Causas das hemorroidas

O paciente pode ter mais chances de desenvolver a doença, caso outros membros de sua família já tiverem apresentado a condição.

Outro fator que pode levar ao surgimento do problema, é o aumento da pressão no reto inferior, que pode prejudicar o fluxo de sangue o que leva ao inchaço das veias. Isso pode ocorrer devido a:

  • Movimento de empurrar durante os movimentos intestinais;
  • Peso extra, a exemplo do quadro de obesidade;
  • Sexo anal;
  • Dieta pobre em fibras;
  • Gravidez, pois o útero em crescimento pode pressionar as veias.

Pessoas que passam muito tempo sentadas também correm maior risco de desenvolver a doença. Além disso, diarreia e prisão de ventre podem contribuir para o quadro.

Tratamentos possíveis

Em uma maioria significativa dos casos, a adoção de medidas simples ajuda a aliviar os sintomas, enquanto as hemorroidas desaparecem por conta própria. Contudo, pode haver situações em que medicamentos e até a cirurgia sejam recomendados.

Alguns tratamentos domiciliares são:

  • Uso de analgésicos para aliviar o desconforto;
  • Toalhas úmidas, pois o papel higiênico seco pode piorar a condição;
  • Banhos mornos na região para aliviar coceira e sensação de queimação;
  • Compressas frias para ajudar na diminuição do inchaço;
  • Cremes e pomadas específicos.

Quanto as opções cirúrgicas, há vários tipos de procedimentos que podem ser realizados, sendo que alguns são mais usados que outros. Entretanto, a definição da melhor técnica sempre é tomada com base nas necessidades e condições dos pacientes, assim como na avaliação do médico.

Quer saber mais? Estou à disposição para solucionar qualquer dúvida que você possa ter e ficarei muito feliz em responder aos seus comentários sobre este assunto. Leia outros artigos e conheça mais do meu trabalho como cirurgião do aparelho digestivo em Ilha Solteira e Barretos!

O que deseja encontrar?

Compartilhe

Share on facebook
Share on linkedin
Share on google
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp